França/Ruanda

Teatro + dança + música


Direção e texto: Dorothée Munyaneza.
Atuação: Dorothée Munyaneza, Holland Andrews e Alain Mahé.


Sobre Dorothée Munyaneza:


Nascida em Ruanda, Dorothée Munyaneza deixou o país aos 12 anos. Sobrevivente do  genocídio Tutsis ocorrido no país africano em 1994, Dorothée partiu com sua família logo após a tragédia para a Inglaterra e se tornou cidadã inglesa. Radicada na França, a partir dos anos 2000 iniciou sua carreira como cantora, atriz, dançarina e coreógrafa, tendo trabalhado com ícones da performance, da dança e da arte contemporânea, como Ko Murobushi, Alain Buffard, Nan Goldin, Mark Tompkins, Robyn Orlin e Rachid Ouramdane.
 
Desde 2013, assina as suas performances e projetos musicais através da sua própria companhia, a Cie. Kadidi, por onde criou obras autorais como as peças “Samedi détente” (2014) e “Unwanted” (2017), que estreou na programação oficial do Festival de Avignon.
 
Articulando textos autorais, depoimentos reais, música e dança, Dorothée cria trabalhos inspirados em acontecimentos reais, a fim de investigar questões relacionadas ao corpo e à memória, em planos individuais e coletivos. Suas criações oferecem voz e escuta àqueles que são silenciados. Seu objetivo é quebrar o silêncio e iluminar feridas históricas, a partir de investigações sobre o genocídio dos Tutsi, em Ruanda, sobre a violência contra a mulher e a desigualdade racial.

Sobre “Unwanted”:


Mais recente criação da Dorothée Munyaneza, “Unwanted” (2017) estreou na mostra oficial do Festival de Avignon e desde então tem se apresentado em alguns dos mais importantes festivais e palcos teatrais da Europa e dos EUA.
 
O trabalho é a segunda etapa de uma investigação artística sobre as consequências do genocídio ocorridos em Ruanda em 1994. As feridas deste acontecimento histórico serviram de base para seu primeiro espetáculo, “Samedi détente” (2014), e em “Unwanted” ela volta a dar voz e corpo a toda uma geração de ruandeses que ainda sofrem com essa zona de conflitos.

Em “Unwanted”, a artista foca nas histórias reais de mulheres que foram vítimas de estupro em Ruanda, e essa violência deu origem a crianças traumatizadas, silenciadas e relegadas ao ostracismo, por conta da história de suas mães e do tabu de suas origens. Para escrever essas histórias, Dorothée viajou de volta para Ruanda e entrevistou diferentes mães e vítimas dos estupros.

Destruídas pelo crime, muitas engravidaram dos seus torturadores e deram luz a crianças indesejadas, que nasceram e seguiram lembrando suas mães do crime que as destruiu. A obra, portanto, dá voz tanto às mães como aos filhos que foram deserdados por suas famílias e pela sociedade.
"Unwanted" agradece Godeliève Mukasarasi, os jovens e as mulheres de SEVOTA Association (Ruanda), Pauline Georget e Emmaüs Alternatives.


Classificação etária: 16 anos
 

Ficha Técnica:
 
Direção e texto:  Dorothée Munyaneza
Atuação: Holland Andrews, Alain Mahé, Dorothée Munyaneza
Artista plástico: Bruce Clarke
Música: Holland Andrews, Alain Mahé, Dorothée Munyaneza
Designer de palco: Vincent Gadras
Designer de luz: Christian Dubet
Figurino: Stéphanie Coudert
Couching artístico: Faustin Linyekula
Slam: Ntare
Diretor técnico: Marion Piry
Engenheiro de luz: Marine Le Vey
Engenheiro de som: Camille Frachet, Valérie Bajcsa
Produção executiva: Emmanuel Magis com assistência de Clémence Pierre and Judith Sevilla, Anahi

 

Apoio Institucional

Galeria de Fotos